12/14/2007

Mais do Felipe!

Os procuradores do goleiro Felipe, Marcelo Goldfarb e Bruno Paiva, emitiram a seguinte nota oficial:
 
"O goleiro Felipe foi contratado pelo então responsável pelo futebol do Sport Club Corinthians Paulista, Sr. Rubens Gomes, recebendo como salário valor próximo ao que recebia no Clube Atlético Bragantino.

O Atleta aceitou a proposta já que confiava no seu potencial e também no Clube, que prometeu aumentar seus rendimentos caso fosse efetivado como titular e ganhasse o respeito perante os torcedores.

Ressaltamos, que iniciamos tratativas visando à renovação com o Sr. Rubens Gomes, porém tal foi destituído e diante da situação complicada dentro e fora de campo que o Sport Club Corinthians Paulista atravessava, e em respeito ao Clube e seus apaixonados torcedores, preferimos deixar para o fim da competição tal negociação, sempre preservando o Atleta e o foco do mesmo nas competições que disputava.

Mesmo com o fatídico rebaixamento da equipe entendíamos que a permanência do atleta no Sport Club Corinthians Paulista era a melhor opção, por isso focamos nossas energias para a renovação do contrato do Atleta e recusamo-nos a receber propostas de outros clubes brasileiros. Isso porque acreditamos que o goleiro Felipe tem uma identificação grande com a torcida corintiana e nosso futebol está carente de ídolos.

Ao contrário do alardeado por alguns membros da imprensa, quiçá com algum interesse ou compromisso político, o Atleta não se aproveitou de sua notoriedade e fama adquirida pelo seu excepcional desempenho desportivo e propôs ao Sport Club Corinthians Paulista receber salário 20% (vinte por cento) menor do que a maior proposta recebida por outro clube nacional.

Para nosso espanto, fomos surpreendidos com contra proposta muito inferior e de valor menor que diversos atletas do próprio clube, (.encostados., reservas e recém contratados), mas isso não foi a maior surpresa.

Todos estamos desgostosos com a divulgação de valores da negociação o que é reprovável em um país com tamanha desigualdade social, ainda mais quando a divulgação é maliciosa e propositalmente equivocada, pois dividiu-se o valor das luvas por 12 meses quando o certo seria dividir por 48 meses (tempo do contrato) (a proposta final foi de R$59.100,00 brutos incluindo aí custeio de moradia e não os R$ 73.000,00 divulgados), tudo para jogar a opinião pública contra o Atleta, e mais, o ofenderam com os argumentos infundados de que 'deveria por a cabeça no lugar' e 'que era jogador de série B, pois já havia caído outras vezes'. Não bastasse, negaram publicamente a existência de propostas oficiais pelo Atleta.

Fica claro que os responsáveis pela negociação no Sport Club Corinthians Paulista adotaram o grito de guerra da torcida (por amor ou por terror), e ao invés do AMOR optaram pelo TERROR, esquecendo-se que a torcida já havia dedicado o AMOR ao Atleta, o que é recíproco. O TERROR só destrói e é improdutivo, é repugnante a preferência pela força à razão. O Felipe merecia outro tratamento.

É impossível negar a verdade e todos que militam no futebol sabem que o goleiro Felipe é um excelente profissional, com dezenas de convocações para seleção brasileira de base, e provou seu valor em campo. Por ser impossível negar a verdade as propostas oficiais vieram a público.

Destacamos ainda, que contrato de trabalho vigente foi feito de maneira escalonada, ou seja, com progressão salarial e no ano de 2009 o salário do Atleta será o mesmo que a atual proposta do Sport Club Corinthians Paulista, porém a multa contratual decresce 20% em maio de 2008 e assim anualmente (hoje a multa seria de R$6.000.000,00 e em abril de 2008 R$4.800.000,00).

O Sport Club Corinthians Paulista esquece que detém apenas 50% (cinqüenta por cento) dos direitos econômicos, e por contrato deve ouvir seus parceiros, os quais já tomaram partido pelo Atleta e entendem ser melhor a sua transferência, ainda que temporária, devido ao ambiente de TERROR criado.
Marcelo Goldfarb & Bruno Paiva"
 
 
Comentário do Bloggueiro:
 
Aí sabe o que aconteceu? O Fluminense, após saber do problema que seria contratar o jogador, emitiu em nota oficial que desistiu da contratação de Felipe, que só lhe interessaria por EMPRÉSTIMO. Vai ser um Natal magrinho, magrinho pra alguns empresários...
 
 
 
 
Postar um comentário