3/22/2008

Unidas pelo processo

A ainda conselheira do Corinthians e também neta do ex-presidente Alberto Dualib, Carla Dualib, está processando o clube para receber R$ 10 milhões referentes a comissões de negócios que a sua empresa, a SMA, intermediou para o Corinthians.

Ela contratou a advogada Gislaine Nunes e alega que o valor a que tinha direito não foi pago por decisão do MSI, ex-parceiro do Corinthians – o contrato está suspenso, mas a rescisão ainda não foi oficializada na Justiça.
 
Vale lembrar que a advogada Gislaine Nunes era 'persona non grata' no Corinthians e inimiga para Alberto Dualib enquanto este estave no poder. 

 
Postar um comentário