1/08/2010

O namoro de Douglas e Palmeiras

O meia Douglas não se adaptou ao futebol árabe, reclama abertamente do amadorismo, da forma como é tratado, além da diferença cultural que faz com que o ex-jogador do Corinthians evite de sair para comer fora de casa.

Louco de vontade de retornar ao Brasil, o meia se reunirá com a diretoria do Al Wasl, para explicar sua situação junto com seu empresário e tentar convencer o clube a emprestá-lo ao Palmeiras.

“Eu quero voltar ao Brasil e sei que há o interesse do Palmeiras, mas não houve acordo ainda. Vai ter uma reunião esta semana. Vamos ver o que vai acontecer”, disse o ex-camisa 10 do Timão.

O que pesa contra o seu retorno é o alto salário do jogador, que ao se transferir para o futebol árabe, triplicou seus honorários e dificilmente o Palmeiras pagaria salários equivalentes ao de Vágner Love por um meia.

Douglas parece disposto a aceitar uma brusca redução salárial, pois pessoas ligadas à diretoria do Palmeiras dizem que o acerto ficará na casa dos R$ 120 mil mensais.

Postar um comentário