1/10/2010

Cadê a dívida que estava aqui?

O balanço mensal corinthiano de Dezembro de 2009 ainda não foi divulgado.

O que poderia ser uma atitude para mascarar a incompetência da atual gestão (parafraseando um pseudo arauto da oposição) nada mais é do que um processo normal de auditoria, em que os exames preliminares começaram em novembro e terminam no final deste mês.

O balanço será publicado em Fevereiro. Um escândalo? Sim, algumas dívidas, por mais incrível que isso pareça, estão quitadas ou bem próximas de seu fim.

Das dívidas antigas, nem Lyon, nem Leão, nem Passarela, nem Irineu, todas elas estão quitadas! Até mesmo o Argentino Juniors recebeu o que era devido pelo Escudeiro. O ano terminou com o Corinthians devendo apenas para Nilmar (R$ 1,75 mi, parcelamento acaba em Setembro) e para o Batata (R$ 60 mil, parcelamento acaba em janeiro).

Obviamente que a oposição argumentará sobre os novos processos e o “calote” na Prefeitura de São Paulo, já que Rosenberg obsessivamente quer o Pacaembú para o Corinthians, mas sabemos que o Timão de 2010 foi formado quase a custo zero, assim como as dívidas antigas e a publicação do balanço é apenas uma questão de tempo.

Assim elogiamos quando se deve elogiar: Parabéns Corinthians!

Postar um comentário