7/16/2008

Quanto vale 1,5%?


O Corinthians continua alvo de sua transparência, ao divulgar no balanço de arrecadação que nos jogos em que foi seu mando de campo, concedeu quase R$ 300 mil em ingressos cortesia, o que dá cerca de R$ 15 mil por partida.
 
Segundo a matéria do Lance!, o setor responsável foi procurado para justificativas, mas o assunto precisaria do aval de Sanchez para divulgação e fecha a matéria com uma frase estranha e pertubadora: "O LNET! continuará em busca do destino dos ingressos que são oferecidos como cortesia pela diretoria".
 
Pergunto, isso é exclusividade do Corinthians? Qual o motivo de um diário esportivo se tornar fiscalizador do clube a ponto de se aproveitar da recente transparência alvinegra e mais uma vez vitrine, ser apedrejado com tais investigações? O Palmeiras e o São Paulo também não merecem o mesmo tratamento?
 
Então vejamos, são uns 300 ingressos por jogo, cada jogo com média de público de 20 mil (Média do Paulistão/08) então estamos falando de 1,5% do público? Acho que só de conselheiros temos mais do que isso, somando então os diretores e vices, além de convidados, chegaremos a conclusão que existem absurdos maiores e mais interessantes para que o periódico esportivo faça sua investigação jornalística.
 
Postar um comentário