7/28/2008

Jogando contra

O marketing do Corinthians desenterrou uma proposta da Nike para a camisa roxa, que foi anunciada às pressas, antes que a Reebok fizesse o mesmo numa camisa comemorativa do Rogério Ceni, sucesso de vendas que o Corinthians enterrou misteriosamente.
 
A Nike lançou o novo uniforme do Corinthians que foi aprovado pelas mãos da diretoria, parceria e marketing do clube. A camisa 1, tradicionalmente toda branca foi transformada em um modelo risca de giz listrada. A camisa 2, listrada ficou toda preta com um quadrado horrível destacando mais o quadrado do que o patrocinador. A camisa de goleiro é amarela, cujo o modelo lembra a camisa verde-limão do Palmeiras e utiliza-se da cor preferida de Rogério Ceni já tem muitos anos.
 
O goleiro Felipe não pode mais usar a camisa roxa por determinação da diretoria e mais de 300 peças estão encostadas na rouparia do clube, sem uso e nem previsão para que seja utilizada em alguma partida oficial.
 
A diretoria anunciou camisas "alternativas" de baixo custo, mas nenhuma delas será confeccionada pela Nike.
 
Isso faria parte de uma estratégia para forçar a Nike a aumentar a participação do Corinthians nas vendas da fornecedora de material esportivo, pois o bônus que o clube receberia como royalties é considerado inatingível pela diretoria.
 
A Nike tem contrato com o clube até o final de 2009.
Postar um comentário