7/30/2008

Estatuto: Novo X Velho


NOVO ESTATUTO

 

VELHO ESTATUTO

 


 ELEIÇÃO DO PRESIDENTE PELOS ASSOCIADOS


ELEIÇÃO DO PRESIDENTE PELOS CONSELHEIROS


 PROIBIÇÃO DE RE-ELEIÇÃO  DO PRESIDENTE QUE HOUVER EXERCIDO MAIS DA METADE DE UM MANDATO


POSSIBILIDADE DE RE-ELEIÇÕES ILIMITADAS


 NÃO HÁ OBRIGATORIEDADE  DE O CANDIDATO A PRESIDÊNCIA SER CONSELHEIRO VITALÍCIO
 


 O CANDIDATO A PRESIDÊNCIA DEVE SER, OBRIGATORIAMENTE, CONSELHEIRO VITALÍCIO


 300 CONSELHEIROS NO TOTAL: 200 TRIENAIS + 100 VITALÍCIOS


400 CONSELHEIROS NO TOTAL: 200 QUADRIENAIS  + 200 VITALÍCIOS


 100% DOS CONSELHEIROS TRIENAIS ELEITOS PELOS ASSOCIADOS


50% DOS CONSELHEIROS QUADRIENAIS ELEITOS PELOS ASSOCIADOS +  50% INDICADOS PELO PRESIDENTE


CONSELHEIROS VITALÍCIOS ELEITOS DENTRO DO CONSELHO


 CONSELHEIROS VITALÍCIOS INDICADOS PELO PRESIDENTE


 PROIBIÇÃO DE PARTICIPAÇÃO NO CONSELHO OU DIRETORIA DAQUELE QUE MANTENHA RELAÇÕES PROFISSIONAIS OU RECEBA QUALQUER TIPO DE REMUNERAÇÃO DO CLUBE


 PERMISSÃO DE PARTICIPAÇÃO NO CONSELHO OU DIRETORIA DAQUELE QUE MANTENHA RELAÇÕES PROFISSIONAIS OU RECEBA QUALQUER TIPO DE REMUNERAÇÃO DO CLUBE 


 ELEIÇÃO PROPORCIONAL DOS MEMBROS TRIENAIS DO CONSELHO


ELEIÇÃO DE CHAPA ÚNICA DOS MEMBROS QUADRIENAIS DO CONSELHO


 ELEIÇÃO PROPORCIONAL DOS MEMBROS DO CORI


 
ELEIÇÃO DE CHAPA ÚNICA DOS MEMBROS DO CORI


 PROIBIÇÃO DE CONCESSÃO DE ANISTIA DAS MENSALIDADES NO PERÍODO DE 01 ANO ANTES DAS ELEIÇÕES


 ANISTIA DAS MENSALIDADES PERMITIDAS A QUALQUER
TEMPO


 NECESSIDADE DE COTAÇÃO DE PELOS MENOS 03 ORÇAMENTOS PARA REALIZAÇÃO DE DESPESAS ADMINISTRATIVAS SUPERIORES AO EQUIVALENTE A 05 SALÁRIOS MÍNIMOS


INEXISTÊNCIA DA NECESSIDADE


 NECESSIDADE DE APROVAÇÃO PRÉVIA DO CORI PARA QUALQUER TRANSAÇÃO ENVOLVENDO ATLETA PROFISSIONAL NO VALOR SUPERIOR AO EQUIVALENTE A 40 MIL SALÁRIOS MÍNIMOS


INEXISTÊNCIA DA NECESSIDADE


 ESTÁ EXPRESSAMENTE PROIBIDA A CRIAÇÃO DE NOVOS TÍTULOS REMIDOS. DEVERÁ SER REALIZADO UM RECADASTRAMENTO DOS ANTIGOS TÍTULOS REMIDOS


 NÃO HÁ PROIBIÇÃO PARA CRIAÇÃO DE NOVO TÍTULOS REMIDOS. NÃO HÁ PREVISÃO DE RECADASTRAMENTO DOS ANTIGOS TÍTULOS REMIDOS


 OBRIGATORIEDADE DE SEPARAÇÃO DA CONTABILIDADE DO DEPARTAMENTO DE FUTEBOL
 


INEXISTÊNCIA DA OBRIGATORIEDADE DE SEPARAÇÃO DA CONTABILIDADE DO DEPARTAMENTO DE FUTEBOL

 
Agradecimentos ao VP Sérgio Alvarenga pela tabela comparativa dos principais itens divergentes.
Postar um comentário