7/18/2008

A cortesia é toda minha!

Recebi uma resposta divertida de um amigo funcionário do Corinthians sobre a matéria do Lance! com relação aos ingressos de cortesia.
 
Ele me disse que o balanço de arrecadação leva em conta os beneficiários de gratuidade conforme Lei Municipal como por exemplo, crianças, deficientes, profissionais de mídia e imprensa, idosos, além das já citadas carteiradas feitas por diretores e conselheiros, fora a meia entrada concedida aos estudantes.
 
Segundo outro colega, as 'carteiradas' que antigamente eram controladas pela 'listinha', hoje é feita apenas amostragem, sem identificação de quem entrou, com quem entrou e apenas uma informação de quantos entraram.
 
Resumindo, a matéria do Lance! serviu apenas de alerta ao clube, pois o valor estimado é especulativo e abordar unicamente o Corinthians foi uma matéria providencialmente encomendada, a qual o Lance! deveria investigar, já que não é exclusividade do Timão e, conforme a última e jocosa linha afirmando que será "investigado", mostra uma perseguição exclusiva e, até que se prove o contrário, visando à próxima eleição do clube.
Postar um comentário