6/22/2011

Estádio: A arte de ser do contra!

contra-a-maconha O vereador Adilson Amadeu – PTB (adilsonamadeu@camara.sp.gov.br), procurado pela produção de uma emissora de TV, afirmou ter lido o projeto sobre a PL de incentivo à construção do estádio em Itaquera e se mostrou contra a atual proposta da Prefeitura.

Segundo Adilson, o clube tem condições de arcar com a construção do estádio sem necessitar deste tipo de ajuda: “o Corinthians tem todas as condições de andar com suas próprias pernas, tudo depende de seus gestores”, afirmou o vereador.

Como sugestão, Adilson afirmou pelo twitter que o estádio da Portuguesa teria condições de abrigar a abertura da Copa, com acesso à marginal, proximidade com o Metrô e fácil acesso aos dois aeroportos do estado. Ironicamente ainda diz que: “Não teria nenhum duto da Petrobrás para atrapalhar!”.

Quando questionado, disse que sua posição é de vetar a PL da maneira que foi editada, mas não é contra o Itaquerão, só que sua prioridade como vereador é a de evitar ter um posicionamento por impulso por conta da urgência da Copa. Detalhe: o vereador faz parte da bancada corinthiana da camara.

O vereador Aurélio Miguel – PR (aurelio.miguel@camara.sp.gov.br) chegou a bater boca para impedir a votação, que seria levada ao plenário hoje, mas solicitou a vista do projeto e com o pedido, a proposta deverá ser votada pela CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) na próxima semana. O vereador afirmou que irá requerer maiores informações ainda com a vista, prolongando ainda mais a decisão.

E como citado no Blog do Silvinho, na postagem Show de horrores na novela “incentivo fiscal”, é impressionante o que o nome Corinthians causa na mídia, na política, no esporte e na vida das pessoas. Decisões que poderiam ter sido tomadas antes, agora são promovidas pela pressa da Copa.

E o tempo está acabando…

Postar um comentário