2/05/2010

Olhando a dívida mais a fundo

Blog do Emerson Gonçalves – Olhar Crônico Esportivo da Globo.com

Eu lhes convido a ler o blog acima com muita calma e atenção. Emerson Gonçalves detalha o que foi divulgado pela Casual Auditores e divide a “dívida” dos clubes em três partes distintas: Dividas Fiscais (INSS, IR, tributos, etc), Dívidas de Contingências (Trabalhistas e Cíveis) e Empréstimos (Bancários, adiantamentos).

Lá ele relata itens como por exemplo: o direito de imagem do atleta, que na prática é salário, que é obrigação mensal, não dívida. Assim, o Corinthians de R$ 255 milhões, teria depurado R$ 118 milhões.

E para compreender melhor a composição da dívida, até para comparar o clube A com o B nos três quesitos, abaixo um resumo da tabela que está no Olhar Crônico Esportivo.

Base 2008

Passivo

Fiscal

Contingente

Empréstimo

Corinthians

118,3

48,6

17,2

52,5

Palmeiras

55,1

39,5

0

15,6

São Paulo

143,3

95,9

2,5

44,9

Santos

134,3

90,8

2,2

41,3

Flamengo

278,3

201,5

36,5

40,3

Internacional

126,7

120,1

2,4

4,2

 

Quero lembrá-los que tais números refletem os números de 2008, auditados e oficiais, qualquer outro “chutômetro” não tem valor para análise. Por isso uma discussão sobre os números de 2009, só poderá ser feita em Abril, após a obrigatoriedade de se publicar o balanço, onde teremos a noção de valor da dívida e quanto dela já foi paga e resolvida ou mesmo ampliada.

Postar um comentário