3/18/2009

Fiel Torcedor: Acorda Diretoria!

Relatos de conhecidos de fóruns na internet apontam ingressos nas mãos de cambistas agindo nas filas enormes onde o torcedor aguarda quase 3 minutos para comprar apenas um único ingresso, numa demora de suspeita quase proposital.

O torcedor filiado ao FIEL TORCEDOR ri a toa, pois já teve seu ingresso com todo o conforto que o sistema permite, compra antecipada, com desconto, sem filas, nem cambistas.

Eis que também vejo relatos que no PSJ, pessoas estavam fazendo propaganda do FIEL TORCEDOR… pausa para um ALELÚIA! …onde finalmente parece que acordaram para tal facilidade, porém de maneira tão modesta que este boca-a-boca não deve surtir efeito imediato como uma eventual ação com o Fenômeno, por exemplo, no espaço que era ocupado CORDIALMENTE pela Medial durante este período sem patrocínio.

Se o FIEL TORCEDOR é algo desconhecido do torcedor, agora terá um concorrente forte: a BWA!

O projeto que deveria ser implantado no final de Outubro passado, proverá ingressos em cartões identicos ao do sistema FIEL TORCEDOR/Bilhete Único e poderá ser “recarregado” nas lotéricas, numa parceria com a Caixa, já que a BWA será responsável pela venda dos ingressos na Copa de 2014.

O torcedor compraria o cartão pelo preço sugerido de R$ 15,00 e a cada compra, uma taxa de conveniência e administração de R$ 2,50. Assim o torcedor compraria qualquer ingresso de qualquer lugar do estádio de maneira facilitada e sem filas, pois o acesso seria liberado antes da venda na bilheteria.

O sistema da BWA, chamado I-Fácil, poderá ser um concorrente direto do FIEL TORCEDOR, pois o torcedor poderá comprar ingressos até de jogos em que o Corinthians não for o mandante. Tal possibilidade deve ser lançada oficialmente para o Campeonato Brasileiro de 2009, onde a BWA tem contrato com 16 clubes da Série A.

O cartão I-Fácil também será um dinheiro pré-pago, que poderá ser recarregado qualquer valor, para pagar contas, utilizar nos postos credenciados, entre outras aplicações que o torcedor poderá utilizar como cartão de fidelidade e conveniência.

É bom a diretoria abrir o olho, pois a BWA tem tudo para “confundir” o torcedor, fora o potencial comercial, já que o cartão servirá de prévia para a Copa do Mundo no Brasil… Diretoria, ABRA O OLHO!

Postar um comentário