3/17/2010

You can put the blame on me

Ontem na coletiva de Roberto Carlos, o lateral disse: "Podem jogar a responsabilidade em cima se nós, veteranos. A gente assume a bronca. Só não coloquem a culpa nos mais novos, pois precisamos deles", numa clara demonstração de hierarquia, poupando e bindando os ‘meninos do terrão’ de qualquer crítica.

Nestes momentos o que conta é a experiência, já que o consagrado Roberto Carlos tem em seu currículo uma vida de times e títulos, sabe bem que a torcida não perdoa uma arrumada de meia, um “pega, pega” ou expulsão boba na Libertadores.

Do outro lado, um time de jovens talentos no topo da tabela paulista, em sua primeira derrota após uma série de sucessos regados à comemorações e danças, sem fazer graça com a própria desgraça, afinal é fácil dar chapéu em jogada parada quando o time está ganhando, bota a culpa de sua derrota numa atitude orquestrada pelo Corinthians.

Santos se volta contra Mano e o acusa de ser mentor de ‘campanha’ contra o clube.

"Quando o Corinthians perdeu para o Santos, chamaram o nosso time de chorão. Agora que o Palmeiras ganhou deles, inventaram uma conspiração contra o futebol arte. Realmente, estamos avançando muito. Somos todos muito parecidos quando ganhamos e quando perdemos", disse Mano Menezes.

Mas hein? O Santos perde pro Palmeiras e a culpa é do Corinthians? Quando o Corinthians reclamou, o fez com fundamento, afinal o árbitro foi sim tendencioso e caseiro, fato comentado no meio esportivo. Já a partida contra o Palmeiras teve alguma irregularidade? Sim, teve! O Juiz não ajudou desta vez!

O que tem relacionado a declaração de Roberto Carlos à acusação do Santos ao Corinthians? Ora amigos, um tem experiência, histórico e títulos e o outro a imaturidade, a ingenuidade e a sede por provar que a garotada é a solução pra falta de títulos. Você acha que a expulsão do Neymar contra o Palmeiras foi futebol moleque que não pode ser coibido pela arbitragem?

E além desse chororô, ainda tenho que ler de corinthiano que o restante das torcidas paulistas anti-santistas estão com inveja! Putz! Futebol tá chato pra caramba!

 

* O título da matéria é o refrão da música do cantor Akon, chamada “Sorry, blame it on me”, cuja a tradução é “Você pode botar a culta em mim”.

Postar um comentário