11/27/2009

E quem ajuda o social?

O balancete do Corinthians de setembro deste ano mostram que a parte Social ainda é um problema. Segundo o demonstrativo, cerca de R$ 600 mil por mês em média o social gera de déficit.

A atual administração diminiu, mas não estancou a sangria do clube. A redução de gastos com o parque aquático, a terceirização de alguns setores, o aumento da arrecadação com a entrada de novos sócios e a renegociação de antigas dívidas, nada disso foi suficiente para deixar o social no azul.

O fechamento do balanço de 2009 mostrará o quanto a atual administração conseguiu reduzir o déficit para ser tão benevolente ao ceder a renda de um jogo às organizadas com escola de samba.

Postar um comentário