4/30/2012

Um balanço de quase 300 milhões!

O blog Olhar Crônico Esportivo de Emerson Gonçalves publicou na última sexta (27) uma análise do balanço alvinegro apontando números espetaculares.

Vale a leitura, mas gostaria de destacar uma frase que resume tudo, mas tudo mesmo que um grande clube precisa fazer:

“O sucesso de um time não pode estar atrelado, obrigatoriamente, à conquista de um ou mais títulos. Boas campanhas, entretanto, são obrigatórias. Disputar os títulos é obrigatório para um grande clube, capacitado financeiramente a montar e manter bons elencos e a partir deles manter-se na ponta das competições que disputar. Títulos vêm, ou devem vir, preferencialmente, como frutos de trabalho bem desenvolvido, de forma permanente. Quando acontecem, o clube e o time crescem na exposição, no conceito e na torcida.”

Não adianta montar um time para “ser campeão”, atrelando à conquista de um título para justificar o investimento. Pode dar certo, mas é provável que não. Clubes assim absorvem dívidas cada vez maiores e torcidas cada vez menores e menos fiéis.

Isso reforça a tese de que não precisamos de medalhões, mas sim de bons jogadores, que sejam parte do time. Ter alguns jogadores é bom para o marketing, mas financeiramente péssimos como investimento.

E o segredo do Corinthians? Bom, um trabalho com os pés no chão, feito com amor e dedicação, sem carteiradas ou ostentar posições de poder dentro do clube só pode render bons frutos.

Cabe um parabéns diretoria, não?

Postar um comentário