12/29/2010

Como plantar uma notícia?

Para plantar uma notícia, se faz necessário um objetivo. Ninguém planta notícia apenas por plantar. Tem quem o faça para vender seu jogador, prestigiar seu casting, valorizar seu elenco, movimentar o mercado da bola.

O Flamengo lambe o Ronaldo, mas o Corinthians que contrata. Diego Souza aparece como reforço de inúmeros clubes, mas acaba no Atlético Mineiro. Ronaldinho é 90% de certeza no Grêmio, mas… são inúmeras as matérias para vender em época de vacas magras.

Será mesmo que o Corinthians foi atrás de Diego ou ele foi oferecido por seu procurador. Ele teria forte identificação com o Santos, mas será que não voltaria para a Vila? O Santos não teria grana para bancar seu ex-atleta? Será que o Corinthians é apenas o boato que era necessário para ampliar os valores de negociação? Já que o Timão tá na parada, o Santos cobriria a “suposta” proposta, não?

O caso do Adriano é delicado, uns apontam como cortina de fumaça, uma maneira de manter o foco principal fora da mídia, mas outros dão a certeza de que o Imperador despista e seu retorno ao Brasil é dar uma parada em São Paulo para jogar no Corinthians. Pessoalmente prefiro acreditar que Adriano não passa de um boato de péssimo gosto, mas já ouvi do marketing que o assunto é sério, portanto é passível de preocupação.

A verdade é que o Corinthians peca por sua própria grandeza. Se fosse a Portuguesa querer o jogador Chuleta (atenção é um nome fictício, ok?) que joga no Ubequistão, teria a possibilidade de jogar por um salário de R$ 20 mil, mas se o Corinthians o procurar, acrescente pelo menos R$ 80 mil nesse salário e claro, as famosas luvas, direitos de imagem e arena, etc. Se na Portuguesa o jogador não vinga, simplesmente desaparece. No Corinthians se não der certo, vai pra algum clube com o Timão subsidiando parte do salário.

Por esse motivo, os reforços são – inevitávelmente – complicados. Num mundo onde o que manda é o dinheiro, quem pode pagar mais sempre acaba tendo que colocar a mão no bolso e quem sofre são os torcedores, que pagarão o preço dessa investida.

Querem Ronaldinho? Alex? Tevez? Messi? Preparem seus bolsos… pois o ingresso fará inveja para os shows de U2, Black Eyed Peas, Paul McCartney, etc. E aí, vai querer continuar acreditando em conversa de Papai Noel?

Postar um comentário