8/26/2008

Meu mico, mico meu...

O presidente do Zaragoza, da Espanha, oferece 14 milhões de euros (R$ 33,5 milhões) pelo atacante Nilmar.
 
Tentei explicar ao meu amigo que está na espanha fazem 5 anos, o que Nilmar representa ao Corinthians e ele não conseguiu entender a história.
 
Nilmar veio do Lyon para o Corinthians via MSI, porém o atacante se contundiu e a MSI deixou de pagar o Lyon pois queria deixar o Lyon a ver navios pois já tinha rescindido o contrato do atacante antes da MSI pagar o restante do valor, depois de uma disputa jurídica na corte arbitral a MSI queria devolver Nilmar sem custo ao Lyon e o Corinthians de Dualib entrou na parada dizendo que queria o atacante, a Fifa determinou que o Corinthians pagasse ao Lyon e viu Nilmar dar adeus ao clube ao transferir-se para o Inter. Devendo ao Lyon, ao Inter e ao atacante, o Corinthians pagou por um atleta para não tê-lo e ainda de quebra, pagou ao Inter o comissionamento pelo valor arbitrado que correspondia ao salário mensal do jogador, finalmente sobra o valor da divida com o atacante que foi parcelada em prestações a perder de vista.
 
O maior mico do Corinthians, sem sombra de dúvida, pagar por um jogador pra ir para outro clube... fato lamentável que fechou com chave dourada a era Dualib.
 
Agora Nilmar foi vendido e o Corinthians relembra os fatos e lamenta, sorte do Inter, afinal pode não valer um campeonato nacional, mas ganhou pelo menos, em valores, 4X mais.
Postar um comentário