11/03/2008

Simbologia do destino

Vencer e perder faz parte do esporte, assim Felipe Massa venceu a corrida, mas perdeu o campeonato.

Dizem que praga de Corinthiano pega, pois Massa comemorou a queda do Corinthians e a torcida não perdoa quem debocha, por isso a Fiel Torcida acordou com um leve sorriso no canto da boca, ignorando completamente qualquer sensação patriótica da derrota do "Brasil" numa competição internacional.

Acontece que o vice de Massa, ainda que tenha feito uma corrida impecável e perfeita, faltou o "team work", ou seja, aquele pontinho, aquele acerto, aquele tempo perdido no começo, no meio e no fim do campeonato, pois como Massa mesmo disse, a corrida e o campeonato só acabam na bandeira quadriculada e por isso o aviso... o Brasileirão só acaba no apito final do árbitro.

É a simbologia do destino, o torcedor sãopaulino e piloto Felipe Massa deu o tom, venceu e não levou... perdeu na última curva, por culpa dos outros, pois um colega competidor não trocou pneus, não segurou suficiente, choveu na hora errada e tantas outras desculpas, mas perdeu no final de todas as palavras, a vitória veio com um amargo gosto de vice.

E o seu time está na ponta do campeonato... é o destino!

Postar um comentário