8/27/2012

24 horas depois…

Não existe aprendizado no futebol. Quem fala o contrário está mentindo e apenas justificando o próprio fracasso.

Perder na hora certa? Faça-me o favor, não me venha com essa. Detesto perder até partida de videogame. Jogador deveria ter isso como padrão.

Culpar a arbitragem? Depois que a partida terminou não muda nada. É necessário entrar em campo os recursos tecnológicos para que o erro seja minimizado, até lá todo o resto vira #mimimi.

Um time que caiu, pode cair de novo (Alô Porcada!). Engana-se quem acredita que o passado ajuda não errar no futuro. No futebol isso é lenda. Se isso fosse verdade, o time da arrogância seria campeão todo ano.

E não existe padrão, o exemplo de Ronaldo Fenômeno não serve para Adriano que não serve para Ronaldo Gaúcho. Dá certo quando tem de dar. Com competência, trabalho e sim, um pouco de sorte.

Um campeão sempre cai de produção após uma conquista. Justifica-se por algum tempo, é normal num elenco todo, até mesmo quem não estava em campo, dizem os psicólogos do futebol.

Só que somos torcedores, vivemos de Corinthians duas vezes por semana, respiramos a idéia de um time competitivo. E o Corinthians é competitivo!

Perdemos de um dos grandes clubes brasileiros na rodada anterior no erro da arbitragem, jogamos melhor e não concluímos as chances em gols. Saca matar a partida? Não fizemos e deu no que deu.

Aí vem a última partida que em 15 minutos de uma pressão total, quase nocauteamos o adversário. Em 5 minutos saiu o gol e perdemos 6 oportunidades claras, mas bastou sofrer o gol de empate para o time parar. Distribuição de Lexotan!

E isso preocupa. Fazia tempo que o time não tinha esse apagão. E pior, o apagão invadiu a arquibancada. E Tite tentou mudar isso tarde demais contra um adversário que sabe se fazer de vítima no melhor estilo Falls-Falls de ser.

Obviamente que não vou cair no mesmo discurso de perdeu e está tudo ruim. Não está. O Brasileiro é passado desde o princípio. Ganhando ou perdendo a Libertadores, nossa pontuação era aquém das possibilidades.

O Corinthians tem 4 meses para acertar as arestas, pois a próxima competição é sim importante: O Mundial de Clubes FIFA. Até lá, muito sapo será engolido.

E como citei no facebook, ter o Doutores da Alegria na camisa não foi a toa, serviu para levarmos alegria para quem fazia tempo que não tinha.

Segue o jogo, passado é passado… que venha o Flu e #VaiCorinthians

Postar um comentário